Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

NOKIA SIEMENS E INTEL VÃO TRABALHAR PARA ACELERAR SERVIÇOS DE BANDA LARGA

24/05/2013

A Nokia Siemens Networks e a Intel assinaram hoje (23/05), um Memorando de Entendimento (MoU) que engloba um conjunto de objetivos comuns em prol do desenvolvimento de Liquid Applications, uma abordagem que visa acelerar a entrega de serviços de mídia e conteúdo diretamente da estação rádio base.

O objetivo da colaboração é acelerar o desenvolvimento de uma experiência de banda larga móvel avançada que possibilite ganho de novas receitas às operadoras além de oportunidades de diferenciação no mercado. 

A Nokia Siemens Networks e a Intel vão colaborar para a criação de um ecossistema de computação móvel de ponta, concentrando-se em provedores de conteúdo over-the-top (OTT), fornecedores de software independentes (ISV) e prestadores de serviços de aplicativos (ASP). 

As duas empresas também irão explorar novos modelos de negócios entre as operadoras móveis e outras empresas do ecossistema, facilitando parcerias com o objetivo de oferecer uma experiência de uso superior e rentável. 

 "As operadoras móveis têm uma extensa rede de estações rádio base em vários locais. Colocar aplicações e serviços na estação rádio base irá torná-la uma parte inteligente na rede de uma operadora de telefonia móvel, com o intuito de prover e entregar conteúdo local. Outros provedores de conteúdo no ecossistema também podem se beneficiar da proximidade de aplicações para os usuários móveis", disse Dirk Lindemeier, diretor de Liquid Net da Nokia Siemens Networks. 

No coração das Liquid Applications está o Radio Applications Cloud Server (RACS), que oferece recursos como o processamento localizado, armazenamento de conteúdo e acesso em tempo real a informações de dentro da estação rádio base. 

O RACS utiliza a plataforma Crystal Forest da Intel, desenvolvida especificamente para o mercado de infraestrutura de comunicações e alimentada por processadores Intel Xeon de baixa potência. A eficiência energética excepcional da plataforma apoia a integração em ambientes não padronizados e ao tamanho reduzido das estações rádio base, enquanto proporciona o desempenho necessário para lidar com o processamento intenso e localizado.
 
 
 
 
Fonte: Computerworld

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar