Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

PARA CEO DA BLACKBERRY, ERA DE TABLETS TERMINA EM CINCO ANOS

02/05/2013

A fabricante canadense BlackBerry parece muito confiante com o seu novo smartphone Q10, que combina uma tela touch menor do que o padrão atual com um teclado físico, padrão da empresa há alguns anos. 

Em uma entrevista para a Bloomberg, o CEO da empresa que até pouco tempo se chamava RIM (Research in Motion), Thorten Heins, disse que espera vendas na casa das “dezenas de milhões de unidades” do Q10. 

“Esse aparelho vai chegar em meio a uma base de cerca de 70 milhões de usuários BlackBerry. Por isso, temos alguma expectativa. Esperamos vender dezenas de milhões de unidades do aparelho (Q10)”, disse o executivo.

Como aponta a Bloomberg, as ações da empresa já subiram cerca de 30% neste com base no otimismo por conta do novo sistema BlackBerry, que também estará presente no smartphone Z10 e em outros smartphones.

Fim dos tablets?

Além disso, Heins também afirmou que não espera ver os tablets mais em evidência no mercado daqui a alguns anos. "Em cinco anos, não acho que haverá razão para ter um tablet mais." Depois, o executivo continuou dizendo que "os tablets em si não são um bom modelo de negócio". 

Vale lembrar que a empresa não se saiu nada bem nesse segmento com o PlayBook, tablet lançado em 2011 sem alguns recursos essenciais, como e-mail, e que acabou sendo um fracasso de vendas até sua descontinuação. O mercado de tablets é liderado desde 2010 pela Apple, quando a empresa lançou o iPad e praticamente inaugurou um novo segmento que foi seguido por diversos rivais.
 
 
 
Fonte: Computerworld

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar