Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

TWITTER RESOLVE DISPUTA COM EMPRESA DE ANÁLISE SOBRE ACESSO A DADOS

29/04/2013

O Twitter e a Peoplebrowsr, uma empresa de análise de mídias sociais, chegaram a uma resolução que permitirá à Peoplebrowsr continuar a comprar dados do Twitter até o fim de 2013, anunciaram as duas companhias nesta quinta-feira.

A partir do próximo ano, a Peoplebrowsr terá de comprar acesso ao fluxo de notícias completo de 400 milhões de tuítes diários por meio de um dos revendedores autorizados de dados do Twitter, de acordo com os termos do acordo.

A Peoplebrowsr, sediada em San Francisco, folheia o Twitter e revende "inteligência" em mídias sociais a clientes incluindo organizações de mídia e o Departamento de Defesa dos EUA.

A disputa legal entre as duas companhias explodiu no fim do ano passado, quando o Twitter, que tem incrementado suas operações à medida que se aproxima de uma amplamente aguardada oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês), começou a exercer maior controle sobre seu conteúdo.

Embora o Twitter afirme que usuários individuais detêm controle intelectual de seus tuítes, a companhia tomou medidas agressivas para evitar que algumas empresas lucrem com seus dados.

A Peoplebrowsr comprava dados diretamente do Twitter, e não por meio de um revendedor, em base mensal quando o Twitter buscou dar fim ao acordo em julho do ano passado.

O presidente-executivo da Peoplebrowsr, Andrew Grill, disse que a resolução dá à Peoplebrowsr os oito meses de que precisa para elaborar "tecnicamente e comercialmente" uma solução de como continuar a fornecer o mesmo tipo de serviços analíticos.

"Conseguimos o que queríamos com essa resolução", disse ele.

Os detalhes financeiros do acordo não foram divulgados.

O Twitter disse em comunicado: "Estamos satisfeitos em ter a questão resolvida, e aguardamos ansiosamente a transição da PeopleBrowsr até o fim do ano para juntar-se ao ecossistema de desenvolvedoras que utilizam dados do Twitter por meio de nossas parcerias de revenda".
 
 
 
Fonte: Uol

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar