Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

4G COMERCIAL CHEGA AO BRASIL CUSTANDO CERCA DE R$ 100

26/04/2013

Oi
 

Depois de muita espera, falatório e experiências pontuais (ou experimentais), as operadoras lançam as ofertas comerciais da internet 4G. Oi e Claro anunciaram cobertura, com foco nas cidades-sede da Copa das Confederações e em São Paulo, um dos maiores mercados do país. Já a Vivo anunciará seus planos no dia 30 de abril.

No caso da Oi, Belo Horizonte, Salvador, Brasília, Recife e Fortaleza terão ofertas do 4G ainda na primeira quinzena de maio.

Já a Claro começou nessa quinta (26) a oferecer 4G em São Paulo e mais 11 cidades: Recife, Salvador, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Fortaleza, Brasília, Porto Alegre, Curitiba, Campos do Jordão (SP), Parati e Buzios (RJ). Com isso, a operadora cumpre a obrigação da Anatel de oferecer a nova geração de internet nas cidades-sede da Copa das Confederações.

Chamada de 4G Max, a Claro iniciou a venda da tecnologia pelo Recife.

4g afp
Foto: AFP

E os preços?
O 4G da Oi no celular terá franquia de dados de 5GB e custará R$ 98. Quem aderir ao plano terá um desconto de R$ 300 para comprar um aparelho elegível para a tecnologia. Já o 4G para o notebook terá 10GB de franquia e custará R$ 188. Clientes pós-pago, Oi Conta Total ou Oi Velox terão desconto de 50% e pagarão R$ 125.

Segundo a Oi, o minimodem 4G da Huawei sairá por R$ 99 para quem aderir o plano de 10GB. Já o chip é gratuito. A operadora ainda oferece R$ 600 de desconto para compra de tablet. Quem quiser adquirir o mesmo plano sem fidelidade, o valor passa para R$ 249. No site, a Oi afirmou que Cuiabá, Manaus, Porto Alegre e São Paulo terão 4G até dezembro deste ano.

O preço do 4G da Claro será de R$ 99 no plano de 5GB para smartphones. Quem quiser usar no notebook com um minimodem, o valor será de R$ 119, na mesma franquia.

razr-hd-vs-galaxy-s3
Ainda são poucos os modelos com 4G à venda no Brasil (Divulgação)

A Vivo anunciou o lançamento da sua oferta comercial do 4G para o dia 30 de abril. A operadora irá iniciar suas operações em São Paulo e Rio de Janeiro. Tanto a Vivo quanto a Claro decidiram antecipar o início da tecnologia em São Paulo por causa das possibilidades financeiras da capital paulista. Segundo a Anatel, a obrigação das teles é instalar a rede até o dia 30 de abril apenas nas cidades-sede da Copa das Confederações.

No caso da Vivo, o 4G será vendido na nova plataforma da empresa, a MultiVivo, que permite conectar até seis aparelhos com o mesmo plano.

Expansão será lenta

O instituto IDC prevê que a expansão do 4G no Brasil será lenta. Ainda há uma baixa diversidade de smartphones compatíveis, o que dificulta a adesão do consumidor. Hoje no país existem apenas 11 modelos homologados pela Anatel que funcionam na frequência 2,5GHz utilizada no país.

A IDC acredita que o Brasil terá 600 mil smartphones compatíveis com o 4G vendidos em 2013. O prazo estipulado pela Anatel está apertado e os fabricantes preparam ofensiva de novos lançamentos para este ano. Nesta correria, o país parece não ter tempo suficiente para aproveitar as possibilidades da tecnologia durante a Copa das Confederações, em junho.
 
 
 
Fonte: Ne10

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar