Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

PROTESTE AVALIA DEZ PACOTES DE ANTIVÍRUS PAGOS DISPONÍVEIS NO MERCADO

25/04/2013

Em março, a internet completou 24 anos. Esta "jovem" revolucionou a vida de todos, facilitando a troca de informações em tempo real. Mas, apesar de todo o avanço, há ameaças na rede que ainda não conseguimos impedir sem a proteção de programas especiais de segurança. Para evitar que você seja lesado por um crime virtual, a Proteste (associação brasileira de defesa do consumidor) levou ao laboratório os dez principais pacotes de Internet Security (chamados popularmente de programas pagos de antivírus) disponíveis no mercado.

De acordo com o levantamento, as diferenças entre os softwares pagos e os gratuitos vão além do pagamento ou não pelo serviço. Embora não sejam infalíveis, em geral, eles foram mais eficientes na prevenção de ameaças e na remoção de arquivos infectados neste teste --  não é qualquer programa pago, no entanto, que vale a pena contratar.

O pacote que se saiu melhor nos testes foi o GData Internet Security 2013, o único que teve avaliação muito boa na detecção de malwares (programas maliciosos). O resultado completo você confere na tabela abaixo.

  • Proteste

AVG, Avira e Norton deixam rastros
Instalar, desinstalar e atualizar o antivírus deve ser fácil e bem intuitivo. A atualização é o mais importante, porque vai manter o seu computador sempre livre de novas pragas e ameaças. O problema é que todos os programas deixam "lixo" no computador quando desinstalados, por isso foram melhor avaliados aqueles que menos "sujeira" liberaram na máquina, como Kaspersky e Panda.

Mas Panda e Norton não religam o Windows Defender (antivírus do Windows) e o firewall automaticamente após a desinstalação do programa. Isso é perigoso, pois o computador fica desprotegido.

O Panda também não possui informação no painel central em relação ao seu status da proteção. Kaspersky, Avira e McAfee são os que mostram essas informações da maneira mais eficiente.

Em todos os produtos, é fácil reverter um arquivo previamente colocado em quarentena, exceto no Bitdefender, Panda e Norton. Por outro lado, não é fácil configurar as opções de bloqueio de tráfego de dados que saem do computador nos firewalls do Avast, Bitdefender, GData e Trend Micro.

Ameaças
Mais importante do que retirar as ameaças do computador é prevenir que arquivos maliciosos entrem na máquina – e isso quem faz é o antivírus. Sendo assim, instalamos 12.964 códigos maliciosos e verificamos quantas ameaças foram identificadas e eliminadas. O GData eliminou mais de 97% das ameaças, enquanto Panda e Norton não eliminaram nem 75%.

A capacidade de prevenção dos programas em tempo real quando os usuários baixam arquivos infectados foi boa. O mesmo não pode ser dito quando um pendrive infectado é usado. Apenas o GData foi bom ao proteger o computador dessa "infecção". O Norton foi o pior, achando apenas três dos 50 códigos maliciosos do dispositivo.

Contra phishing, ou roubo de senhas, o mais eficaz é o Bitdefender, com 82%, contra somente 4% do AVG. Já os mais lentos em detectar e remover arquivos maliciosos foram Norton, Panda e Trend Micro.

A análise do firewall avaliou a proteção contra a entrada e a saída de dados do computador. O segundo caso é mais perigoso, pois indica roubo de informações. Os firewalls de Norton e McAfee foram os piores do teste, pois permitiram a saída de dados e, por isso, não são indicados para compra. Mas vale ressaltar que os sites usados nas análises não traziam proteção extra, ao contrário do que geralmente acontece naqueles que envolvem transações comerciais.

  • Proteste

Opções grátis
Há diferenças significativas entre os antivírus gratuitos e os pacotes de Internet Security. Para simplificar o entendimento, as versões gratuitas têm apenas o antivírus, enquanto os pagos são pacotes que trazem, por exemplo, firewall e outras proteções como antispam, parental control (controle dos pais) e antiphishing.

Nas versões gratuitas, Avira e Avast! tiveram pontuação de 63 pontos,  em uma escala de 100, enquanto o AVG fez apenas 55 pontos.

Enquanto o Avira é mais fácil de usar e utiliza menos espaço do computador, o Avast! é mais eficiente na hora de prevenir e remover ameaças. Se você tiver de optar por um antivírus grátis, fique com o Avast!. Ele é um pouco complicado de usar, porém é mais eficaz que os demais.

Testes
Para realizar os testes, a Proteste levou ao laboratório dez pacotes de Internet Security pagos e três antivírus gratuitos. Todos foram instalados e avaliados em computadores iguais e com as mesmas configurações.

A associação simulou ataques de arquivos maliciosos (trojans, rootkits, worms, macrovírus, vírus em arquivos, bootvírus e spywares), introduzindo-os no HD e baixando-os da internet para avaliar a eficiência dos programas na remoção e no isolamento desses arquivos, assim como a capacidade  de prevenção contra novas ameaças.



Fonte: Uol

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar