Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

DOMINÂNCIA DO GOOGLE NAS BUSCAS PODE NÃO DURAR NA ERA MÓVEL

09/04/2013

Por mais de uma década, o Google tornou-se sinônimo de busca. Apesar dos bem financiados esforços da Microsoft para conseguir que os usuários usassem o Bing, as pessoas ainda estão "googlando". No entanto, há alguns sinais de que o domínio da empresa pode não

De acordo com reportagem do New York Times, as tradicionais buscas na web caíram 3% no segundo semestre do ano passado (depois de só crescer  por anos), enquanto as pesquisas em mecanismos de busca vertical cresceram 8% durante o mesmo período.

Não é que as pessoas não estejam com fome de conteúdo, porque elas estão. Mas também estão começando a alterar seus hábitos de buscas através de curadoria de conteúdo. Os usuários da web aprenderam que – apesar do que o Google é do que ele faz - muitas vezes é mais fácil ir diretamente para um segmento curado da Internet para encontrar o que deseja.

Usuários experientes sabem como procurar itens que querem comprar na Amazon, ir direto ao IMDB para obter informações sobre a atriz que estava naquele filme ou à Wikipedia para procurar informações sobre esse país distante mencionado no noticiário. O Google é um meio intermediário desnecessário e facilmente evitável entre você e uma fonte de informação confiável.

Essa mudança no comportamento de busca torna-se mais palpável na era móvel, centrada em aplicativos. Os usuários são muito mais propensos a procurar informações sobre o tempo, notícias ou informações de mapeamento diretamente em apps relevantes, em vez de “googlar” primeiro.

Por enquanto, o Google continua sendo o gatekeeper para o resto da Internet. No entanto, com o Facebook apresentando seu novo super-aplicativo, nós poderemos em breve dar uma olhada das batalhas futuras para a onipresença móvel.se estender para a era móvel.
 
 
 
Fonte: IdgNow

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar