Página Inicial



twitter

Facebook

  Dicas
|

GRAVANDO HD 720P COM DSLR

José Dias - 23/08/2010

Alguns modelos de câmeras DSLR da Canon fazem muito sucesso entre os diretores que partiram para as filmagens com DSLR para baratearem suas produções ou simplesmente para pesquisa e desenvolvimento de novas opções de se fazer cinema. As mais usadas são os modelos Canon 5D Mark II, a 7D e até mesmo a 550D.

Recentemente o seriado, dirigido por Greg Yaitanes, HOUSE, na sua última temporada foi totalmente gravado usando três Canon 5DmkIIs, o diretor inglês Philip Bloom gravou alguns cenas para o filme ainda inédito de George Lucas ?Red Tails? com uma Canon 5DmkII e o 1º seriado de ficção produzido e exibido pelo pelo Canal Brasil, "Amorais" do diretor Fernando Ceylão também foi gravado com uma Canon 5DmkII. Isso para citar algumas produções, mas não pense que é só ter na mão uma dessas câmeras que sua filmagem ficará com cara de cinema. Muitos acessórios (caros!) e uma boa dose de conhecimento são necessários para ter um produto final de boa qualidade.

Mas os proprietários de alguns modelos DSLR da Canon não possuem a função de gravar vídeos, daí existem algumas opções. A 1ª é vender o seu atual equipamento, colocar mais alguns dólares (ou muitos) em cima e adquirir uma nova câmera, a 2ª seria colocar um firmware hackeado, o que me dá uma certa preocupação, pois são firmwares que são escritos na EPROM da câmera e não somente no cartão de memória, além de só permitirem uma gravação de 680 X 420. Pelo menos os que conheço.

A 3ª opção é a que irei apresentar neste tutorial e que pode ser utilizada pelas câmeras da Canon que possuem a função LiveView, 400D, 450D, 40D, 50D, etc. e o melhor é que nada, absolutamente nada, é alterado na câmera, pois trata-se de um software para ser instalado em um computador com Windows. Mac também é suportado.

O que este software faz é usar o modo de visualização ao vivo (LiveView) da câmera para capturar o que a câmera vê. A fim de usá-lo, a câmara deve estar conectada a um computador, e é necessário que o software EOS Utility esteja anteriormente instalado.

O programa é bastante simples de usar, assim que se inicia, a janela principal é apresentada. É possível ver todas as configurações no topo. Você pode controlar algumas das configurações da câmera, como balanço de branco (White Balance), foco, etc. Você também pode controlar algumas configurações de vídeo como FPS e se quer ou não que mostre o vídeo capturado durante as gravações.

Assim que sua câmera é reconhecida pelo programa, começa a visualização ao vivo diretamente para o desktop. Uma boa dica é clicar no botão "O" do lado direito para abrir as preferências, e mudar o tamanho do buffer do 1mb (padrão) para um valor maior (o máximo são 500MB), para que seu vídeo fique melhor e passe suavemente. Agora, para começar a gravar basta clicar em "Write" e para parar a gravação, "Stop".

O software se chama EOS Camera Movie Record ou simplesmente EOS_movrec e pode ser baixado clicando aqui

Escolha o local para o download e o arquivo contendo o programa de somente 6 megas chamado eos_movrec-0.2.2_beta-setup.exe será guardado no local indicado por você. Depois disso, basta um duplo clique no arquivo citado e se dará o início da instalação, como mostra a sequencia de figuras abaixo.

A sequencia de instalação do programa

Se você seguiu a instalação básica, ao final o programa abrirá a seguinte tela.

Se você conectar a sua DSLR via USB, é muito provável que apareça a seguinte tela com uma mensagem dizendo que não foi possível encontrar a sua câmera.

Não se desespere, não há nada de errado, basta clicar no botão "USB" do programa como indicado pela seta vermelha na figura abaixo. Caso isso não resolva, feche e abra novamente o programa.

Depois de instalado, o ícone abaixo ficará disponível na sua área de trabalho.

É provável que alguns usuários queiram realizar gravações externas, neste caso, somente com o auxílio de um notebook.

Se não disse antes, direi agora: O software é FREE!!! GRÁTIS!!! O único ponto fraco é que ele não grava áudio, portanto o áudio deverá ser colocado na pós-produção. Nada mal para um programa GRÁTIS!!!

Abaixo, gravei um pequeno vídeo para mostrar o programa em ação. O vídeo é gravado com a extensão .AVI, Progressivo, no formato 1024X680, OK, quase 720, neste caso a taxa ficou em 20 FPS.

Antes que eu esqueça, um agradecimento especial para o caras que desenvolveram e disponibilizaram o programa EOS Camera Movie Record: Chernov Aleksey, Uterr, Golubinsky Yury, Lukyanenko Vlad and Emel´yanov Denis.

Até breve.

Caso você não esteja vendo o vídeo abaixo, será necessário instalar o Flash no seu navegador. Para isso, clique no selo da Adobe:


Se você tiver algum tipo de dúvida sobre esta dica ou qualquer outra dúvida de informática, dê um pulo no Fórum BoaDica (http://www.forumboadica.com.br), onde tem uma galera muito legal que troca idéias, ajuda, participa em diversos assuntos técnicos e com certeza poderão ajudar!

Caso você queira contratar uma empresa para executar os mais diversos serviços, dê um pulo na área de Prestadores de Serviço aqui do BoaDica.

Não deixe de conferir outros artigos aqui na área de DICAS do BoaDica.

Procurando onde comprar seu equipamento? Veja na Pesquisa de Preços BoaDica

 
Indique esta dica Indique esta dica para um amigo

VOLTAR