Página Inicial



twitter

Facebook

  Dicas
|

PLACAS E CABOS FIREWIRE

José Dias - 15/10/2008

A idéia deste artigo não é dar uma aula sobre a conexão FireWire, e sim, informar quais os modelos de placas e cabos disponíveis no mercado, visando ajudar ao usuário a comprar e utilizar corretamente este tipo de conexão, principalmente para o usuário de câmera de vídeo digital.

Existe um artigo do nosso amigo Antonio Vilhena com mais algumas informações e que pode ser lido clicando no link a seguir: http://www.boadica.com.br/layoutdica.asp?codigo=233.

Desenvolvida em 1986 pela Apple Computer como a especificação FireWire (devido a sua grande velocidade), a especificação foi padronizada em 1995 com o nome de IEEE 1394. A Sony, uma das grandes responsáveis pela popularidade do FireWire, o rebatizou em sua versão como i.LINK, que aparece na maioria dos seus computadores e das suas câmeras de vídeo digitais. E é aqui que queremos focar nosso artigo. Lembre-se, FireWire, IEEE1394 e i.LINK são nomes diferentes para a mesma conexão.

Muitas dúvidas surgem com os usuários de câmeras de vídeo digital de como capturar seus vídeos para o PC, para posteriores edições ou para os gravadores de DVD, que hoje são uma opção com alta qualidade de imagem que vieram substituir o antigo video cassette recorder (VCR).

Tantos os equipamentos de vídeos profissionais quanto amadores oferecem a conexão FireWire. Em vários desses equipamentos esta conexão é chamada de porta DV, que na verdade é uma porta FireWire (IEEE 1394).

E é por esta conexão que iremos transferir o que está gravado em nossas câmeras de vídeo digitais para o PC ou gravador de DVD.

Antes de continuarmos precisamos identificar os tipos que iremos encontrar no mercado. Um menor (4 pinos) muito usado em câmeras de vídeo digitais, gravadores de DVD e laptops e um maior (6 pinos) que normalmente aparecem nas placas que instalamos em nossos desktops e em equipamentos profissionais.

Nas figuras abaixo podemos identificar os tipos que são encontrados no mercado.

Na figura acima podemos observar os tipos de cabos: 4X4, 4X6 e 6X6.

Qual a diferença entre o de 4 pinos e o de 6 pinos?

O cabo FireWire é constituído por 6 condutores, 4 deles agrupados em 2 pares cruzados que transmitem dados e os dois restantes são usados para fornecer energia do computador ao dispositivos que se encontra ligado.

Nas câmeras amadoras, principalmente as da Sony (i.LINK), são usados os conectores de quatro pinos de sinal, já que o fornecimento de energia aos dispositivos é realizado separadamente.

Alguns computadores já possuem a porta FireWire, mas se esse não é o seu caso, você poderá instalar uma em seu desktop. As placas e cabos são facilmente encontrados no comércio. Alguns fabricantes inclusive disponibilizam pacotes que contem a placa, o cabo e o software de edição.

Vale lembrar que as placas para serem usadas com vídeo digital devem ser compatíveis com o padrão OCHI, que significa Open Host Controller Interface, e é um padrão para interfaces IEEE 1394.
Alguns usuários tentam transferir via porta USB, e não são bem sucedidos. A porta USB na maioria das câmeras de vídeo só funciona para a transferência de fotos que estão no cartão, evidentemente se sua câmera possui esta função.

A placa para instalar no seu PC pode ser PCI ou PCI-e e pode conter tanto as conexões de 4 e 6 pinos. O mais interessante é adquirir a que possua os dois tipos (4 e 6 pinos).

Na figura abaixo podemos observar uma placa e dois cabos FireWire instalados em um desktop. Repare que estão conectados dois tipos de cabos: 4 e 6 pinos. Ao lado deles, vemos uma conexão em um notebook.

Conexão em Desktop

Conexão em Notebook

O FireWire suportar a tecnologia Plug and Play e hot swapping.

ATENÇÃO: Embora os dispositivos possam ser hot-swapping, ou seja, plugar e desplugar sem precisar desligar qualquer equipamento, há casos relatados da queima do chipset de FireWire em câmeras de vídeo em virtude dos pinos terem provocado um curto-circuito.

Para assegurar uma proteção do equipamento desligue-o antes de ligar o cabo FireWire. A maioria dos equipamentos de uso comercial é menos sensível dos que as câmaras de vídeo digital, mas, ainda assim, deve-se ter cuidado no que toca ao hot-swapping.
Se você leu com atenção este artigo, já percebeu que placa FireWire não é uma placa de captura e sim uma placa que fornece uma conexão extremamente rápida onde podemos conectar vários equipamentos. E que se você é proprietário de uma câmera de vídeo digital, principalmente as que usam fitas e está começando a se aventurar no mundo da edição você irá precisar de uma para obter o máximo de qualidade nos seus vídeos.

Enquanto você verifica se o seu computador possui a conexão FireWire, ou se há a necessidade de adquirir uma, estamos preparando outro artigo que irá explicar como usar a conexão FireWire para transferir os seus vídeos para o PC ou direto para um gravador de DVD.

Até lá.

Se você tiver algum tipo de dúvida sobre esta dica ou qualquer outra dúvida de informática, dê um pulo no Fórum BoaDica (http://www.forumboadica.com.br), onde tem uma galera muito legal que troca idéias, ajuda, participa em diversos assuntos técnicos e com certeza poderão ajudar!

 
Indique esta dica Indique esta dica para um amigo

VOLTAR