Página Inicial



twitter

Facebook

  Dicas
|

DREMEL

J. Carvalho - 29/05/2003

O braço direito de quem quer fazer um casemod

Muita gente ainda não conhece a Dremel. Pessoalmente já faço uso desta ferramenta maravilhosa desde 1983, quando ainda inventava acessórios para o meu Commodore 64*. Há quem chame a Dremel de furadeira, esmerilhadeira e outros bichos mais. Na verdade ela é tudo isto e mais um pouco. Suas aplicações são ilimitadas e se tratando de CASEMOD se torna essencial. Você pode cortar a chapa do gabinete, tirar rebarbas, furar, polir, etc.. A única barreira para a sua utilização é a sua imaginação.

Os modelos mais antigos possuíam rotação fixa de 25.000 rpms, os mais recentes já possuem variações de velocidade que vão de 5.000 rpms até 30.000 rpms. Isto é muito útil, pois dependo da ponta instalada na ferramenta e/ou do material a ser trabalhado, uma rotação específica pode ser mais indicada.

A linha de acessórios disponíveis para a Dremel é muito vasta. Você encontra escovas de aço, discos de corte para metal, lixas, brocas, brocas de corte, escovas de nylon, etc...

* Commodore 64 - Micro muito vendido nos Estados Unidos e Europa nos anos 80. Usava um processador de 8 bits, o 6510, derivado do 6502 que equipavam os Apple na mesma época

 
Indique esta dica Indique esta dica para um amigo

VOLTAR