Página Inicial



twitter

Facebook

  Dicas
|

ASUS A7M266D VS TYAN TIGER MPX

J. Carvalho - 08/07/2002

Comparamos as primeiras placas para duas CPUs Athlon MP, a solução para quem queria dois processadores trabalhando ao mesmo tempo, mas não tinha muita grana para fazer isto acontecer.

A AMD lançou seu chipset feito para sistemas de processador duplo, o AMD 760 MPX (Multi-Processor eXtended), que nos levou as duas motherboards em comparação: a Asus A7M266-D e a Tyan Tiger MPX.

ASUS A7M266-D

Com formato ATX, ela possui 2 slots PCI de 64 bits, 2 de 32 bits e 4 slots para memórias DDR que permitem chegar a expansão de até 4GB de RAM, já que cada um suporta até 1 GB de memória. Observando o que chama mais a atenção, os 2 soquetes, notamos um ponto bom e um ruim para esta Asus. O Ruim é que foram tapados os 4 buracos que ficam em volta de cada soquete, impossibilitando que se instale coolers com este tipo de fixação. O ponto bom é o isolamento feito na base dos soquetes. Este isolamento com uma espécie de fita acrílica, visa proteger os circuitos de eventuais escapadas de chave de fenda das mãos de menos experientes na hora de colocar os coolers.

Próximo aos soquetes encontramos o chip NorthBridge AMD 762. O chip fica protegido do calor por um bom dissipador de alumínio.

Um outro defeito é a necessidade de utilizar memórias Registered e com ECC. Este sistema permite a utilização de memórias "normais", mas apenas nos dois primeiros slots. No que diz respeito à energia, esta placa requer uma fonte para Pentium 4, pois usa os conectores dedicados de 12V.

Quanto ao poder da fonte, aconselha-se a utilização de qualquer coisa acima dos 400W, pois menos que isto poderá comprometer o start up do sistema.

Em termos de expansão, a placa da Asus vem preparada para os periféricos que se esperam ver numa workstation: uma slot AGP Pro de 4X, para placas gráficas profissionais, dois slots PCI de 64 bits (a 66 MHz) e três de 32 bits (33 MHz). Estes slots a 66MHz são uma das novas características do chipset 760MPX, permitindo a duplicação da largura de banda disponível.

Nesta placa não há portas USB,que por um problema no chip 768 SouthBridge, forçou uma remoção de todas as ligações USB 1.1 Para resolver este problema, a Asus incluiu uma placa PCI USB 2.0 junto da da motherboard. Perde-se um slot PCI, mas ganha-se quatro ligações USB 2.0 (que são cerca de 40 vezes mais rápidas do que as anteriores).

A Asus A7V266-D suporta overclocking através da BIOS, que permite a manipulação da velocidade do FSB em incrementos de 1 MHz. Uma das diferenças da Asus é o COP (CPU Overheating Protection), que reduz a freqüência do processador em caso de aquecimento acima do normal e em caso da temperatura se elevar demais, chega a desliga-la.

A Asus possui áudio on board C-Media 8738 de seis canais.

Tyan Tiger MPX

A Tyan Tiger MPX não difere muito da Asus A7V266-D. Possui o mesmo tamanho, os dois slots PCI de 64 bits, dissipação para o chipset, etc e tal. As diferenças entre a Tyan e a Asus não são grandes. A Tyan não precisa necessariamente de uma fonte de pentium, podendo ser usada uma fonte ATX comum desde que tenha boa potência. Na Tyan não temos o slot AGP Pro, o que impossibilita a utilização de placas gráficas mais avançadas. O problema com a falta das conexões USB também existem nesta placa, já que é uma falha do chipset. Da mesma forma a solução foi o envio de uma placa adicional USB, mas não uma USB 2.0 como no caso da Asus e sim uma USB 1.1.

A BIOS da Tyan deixa um pouco a desejar quando se pensa em muitos acertos. A BIOS é simples e perde longe para a concorrente. O lado bom desta BIOS "limitada" é que impede que usuários sem muito conhecimento façam ajustes desastrosos.

O áudio não teve lugar na Tyan, mas em compensação, temos uma placa de rede 10/100 onboard, que ao meu ver é muito mais útil neste tipo de placa do que uma placa de som.

Conclusão

É importante lembrar, que apesar de serem placas para dois processadores, o modo DUAL só funciona quando utilizado o processador Athlon MP.

Fica difícil chegar a conclusão de qual das duas é a melhor, já que as duas tem muitos pontos iguais, sendo o principal o chipset AMD 762. Veja na tabela os pontos a favor de cada uma:

ASUS A7M266-D Tyan Tiger MPX
  1. Placa de som de 6 canais on board
  2. Slot AGP Pro
  3. Bios mais completa
  1. Não necessita de fonte para Pentium 4
  2. Placa de rede 3Com on board
  3. 6 slots PCI

Maiores informações:
Tyan: http://www.tyan.com
Asus: http://www.asus.com

Para tirar dúvidas sobre placas-mãe, não deixe de passar no Fórum do BoaDica!

Pensando em atualizar sua placa mãe? Pesquise os preços na Pesquisa de preços do BoaDica!

 
Indique esta dica Indique esta dica para um amigo

VOLTAR